"Eu te busco de todo o coração; não permitas que eu me desvie dos teus mandamentos." (Salmo 119:10)

terça-feira, 21 de setembro de 2010

... então é válido.

Muitas coisas aconteceram comigo nestes últimos meses. Não desperdiço nenhum fato porque estes me fizeram crescer mais, amadurecer e refletir sobre meu comportamento e sobre minha vida.
Errei muito, e agora estou pagando pelo que fiz, na verdade, "pagando" não é bem o termo certo, pois cada ação tem sua conseqüência, logo, seria até de se estranhar que eu não estivesse vivendo esta situação incômoda visto que ela é fruto do que fiz... Então, afinal, do que DEVO reclamar? Porque poder não posso, não posso reclamar de nada. Eu estou passando por uns problemas e tal, mas existem pessoas por aí que dariam tudo para ter o MEU problema, porque os seus são duas vezes mais "insuportáveis". O motivo das aspas é explicável: se você está sofrendo as consequências de uma atitude sua, então ela é sim suportável e quem sabe, até lhe fará bem...

Acho que uma das coisas mais importantes na vida é aceitar o sofrimento. Não é GOSTAR do sofrimento, mas aceitá-lo e saber lidar com ele, afinal, ele é nosso fruto... Deus não vai querer que um filho seu sofra por nada, quando Ele me permite é para que se aprenda uma lição... E pra quem não liga a mínima pra "esse lance de Deus", vale a mesma coisa: se você está sofrendo, então algum erro no meio do caminho foi cometido... E se não, não há sofrimento, há um engano, e sendo engano, logo, logo não haverá mais preocupação alguma...

Infelizmente, na maioria das vezes só valorizamos como deveria ser valorizado quando perdemos, só começamos a evitar o mesmo erro depois de pelos menos ter persistido nele... E não se trata de ser humano ou de ser burrice... Pode se tratar de um sonho, de uma amizade, de um romance, de uma briga, de uma carreira...

Se estou sofrendo por persistir em um erro que cometi visando a realização de algo, então meu sofrimento é válido, não é vão. E o mesmo vale para o meu erro, que agora passa a ser parte de mim e da minha história. Nenhum sofrimento vai ser eterno, porque se não a vida não teria sentido algum. Não pra mim.



ou da nossa... não pra nós.


If we were our bodies,

If we were our futures,
If we were our defenses,
I'd be joining you.

6 comentários:

Isa. disse...

aai, amigaaa D:
essa música me deixa meio triste e eu nem sei explicar o motivo. :/
mas como sempre, você consegue se expressar de uma forma brilhante!
espero que esse sofrimento passe logo! meus parabéns por ser madura o suficiente para enfrentar os seus problemas de cabeça erguida! :D
e saiba que estarei aqui para o que precisar, SEMPRE!

amo você, Teffi, muito! *-*
beijo :*

Rayane France disse...

aaaah , que lindo !
seguindo aqui , beijos

http://pensamentos-bobos.blogspot.com/

segue também ?

Guilherme disse...

q legal, siga tb os pensamentos do @osMininu no twitter

Clube do Filme disse...

Nossa.. gostei do texto, da video..

Mas a foto que você escolheu é muito fofa..rs

Parabens pelo blog, esta muito bom!!..

Talita Liegyne disse...

Você escreve muito bem Steffi.. depois da uma passadinha no meu blog..
=*

Mariana Parga disse...

Teffi! A forma como você ve o que passas é surpreendente, você sabe SER HUMANA, você sabe ser RACIONAL mesmo sendo sensível, delicada. Eu agradeço por te ter por perto, alguém que me faz acreditar que pensar como eu penso não é perda de tempo.
eu te amo♥